quarta-feira, 20 de junho de 2012

E a escrita?


A escrita nestes dias custa a sair.
Não posso dizer que me falte inspiração, tinha neste momento material para escrever uma novela mexicana!!!
Mas a escrita tem essa virtude, reflecte a nossa alma.

Mostra o nosso íntimo.
E no meu íntimo eu ainda grito:

Porquê?


3 comentários:

A. M. disse...

também passo a vida a perguntar porquê, mas há coisas que não há resposta e que não faz sentido questionar. Faz sentido perguntar "o que é que posso fazer para resolver?" e é com esta questão em vez do porquê que me consolo ou conformo.

CM disse...

Sim Anita, essa tua pergunta eu costumo fazer ainda antes de fazer a pergunta: Porquê?
O problema é esse Eu não posso fazer mais nada, o que aquilo que tenho feto nestes últimos dias :(

A. M. disse...

só te podes conformar e pensar que é o melhor que podias ter feito, é o único consolo é essa compensação íntima *