terça-feira, 14 de março de 2017

ainda a propósito do dia da Mulher

Com os anos descubro que sou cada vez mais feminista.

Engraçado que em adolescente, cheguei a achar que as feministas eram irritantes.

Afinal descubro que o sou.
Sim, sou feminista.
Sim acredito que antes de chegarmos a um equilíbrio ainda existem muitos limites a quebrar.
Sim acredito que o principio humano nada deve ter a ver com géneros.

Mas é lixado ver que o mundo ainda é dos homens e que é muito mais fácil para eles. Aí o quanto isto me irrita!




terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

...

E em dia de Carnaval só me apetece dizer: "Ao menino e ao borracho, põe-lhe Deus a mão por baixo"!!!

Eu sei parece demasiado popular, mas é mesmo isto!
Entrar na Quaresma de coração cheio e com tanto, tanto para agradecer e mais tanto e tanto para ansiar...


terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Festival da Canção

Encontrei uma perfeita explicação para o Festival da Canção.

http://quadripolaridades2.blogspot.ie/2017/02/ja-fui-ao-brasil-praia-e-bissau-angola.html

E agora que já ouvi todas e já percebi o formato, não me sinto nada entusiasmada a seguir a segunda fase.
Afinal, eles prometeram mas não conseguiram melhorar muito!
Pena...

E sim eu sou daquelas que sei as musiquinhas todas, todinhas, do tempo do antigamente!!!




quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Fevereiro

Janeiro é o mês de começos, é o mês das resoluções, das promessas.
É um mês grande, demora a passar. O dinheiro fica mais curto e as resoluções são muitas vezes difíceis de conseguir.

Fevereiro quando chega, faz-nos sentir que vai passar num instante.
Que nada de importante acontece em 28 dias.
Mas este 2017 está mesmo carregado de acontecimentos.

Afinal é possível acontecer muita coisa neste pequeno mês.

Tenho andado entusiasmada e claro, receosa, ou não fosse eu!
Mas os planos estão mesmo a ganhar forma. E passo a passo conquistamos mais etapas e ganhamos mais sonhos.


quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

cinema

Na semana passada (eu e as mais novas) fomos ao cinema ver o filme: A Bailarina.
O filme estreou no Verão e da turma de ballet de Mariana, era ela a única que ainda não o tinha ido ver.

É um filme sobre sonhos, inocência, conquista e esforço.
Adorei.

Ando numa fase em que me apetece mesmo ir ao cinema.
E por isso este fim de semana, fui ver o filme "Jackie". Não é o tipo de filme que por norma veja no cinema, mas a verdade é que eu gosto deste tipo de filmes e acabo por nunca os ver, porque depois acabo por me esquecer deles.

Espero esta semana ir ver o La La Land. Já ouvi todas as músicas (que adoro) e tenho a certeza que ainda me vou apaixonar mais pela Ema Stone, que adorei que tivesse sido a namorada do Homem Aranha!

Em Março com os anos da mana mais velha, da casa e com visitas espero conseguir mais que uma sessão de cinema, mas aí a 2!






quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

as compras da Madalena

No dia que a Mariana comprou o laço a Madalena desistiu de comprar o seu. Mas dado já ter tido autorização para assaltar o seu piggy bank implorou (e aqui a palavra certa é mesmo implorou) que eu a deixasse comprar uns headphones que ela tinha visto na H&M.

Revirei os olhos, perguntei imensas vezes para que é que ela queria aquilo. Fiz quase chantagem a perguntar porque é que não esperava pela Páscoa, para pedir a alguém de prenda e assim poupar dinheiro. Fiz de tudo para que ela percebesse que não tem necessidade nenhuma aos 8 anos de comprar uns headphones.

Mas a sua carinha triste e conformada a dizer que entendia e que não fazia mal, quebrou-me o coração (e que bem que ela sabe isso). E lá foi ela à loja comprar os ditos.

Esta miúda vai-me dar trabalho, ai como eu sei disso...




quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

as modas

Existem imensas, algumas não nos cruzamos com elas sequer, mas todos nós tivemos e vivemos as nossas modas, que nos atingem mais, quando somos miúdos e depois adolescentes. É devido a estas modas, ou tendências, que agora damos por nós a gostar tanto de ouvir as piadas e histórias do Nuno Markl.

A moda de inicio de 2017 por estes lados, são os JoJo's Bows http://www.claires.co.uk/jojo-siwa/content/fcp-content.

Não sei como é além-fronteiras, mas por aqui e pelo UK, a loucura é total, desde crianças de 2/3 anos até à adolescência, não existe cabeça de menina que não exiba um destes (pavorosos) laços.

Quando na escola já não havia como negar que era esta a nova moda eu expliquei logo que os achava demasiado grandes, demasiado pirosos e depois de saber o preço, demasiado caros!
Mas a verdade é que na turma das gémeas é rara a menina que não tem pelo menos 1! Sim, porque muitas têm um de cada cor.

No fim-de-semana que passou, programei ir com as gémeas ao cinema. E por isso, no Sábado de manhã, não achei estranho que as duas tenham vindo ter comigo (o que mostra o quanto elas estão crescidas), a pedirem para comprarem um JoJo Bown, cada uma, e serem elas a pagar com o dinheiro que têm nos mealheiros.
Achei justo.

No Domingo, no fim do cinema fomos comprar os ditos laços. E juro que não tenho como descrever a cena. A loja estava inundada de meninas entre os 5 e os 10 anos (ou algumas com mais), todas com pelo menos 1 laço na mão. A Madalena perante aquela cena, desistiu e disse que já não queria (o que eu achei justificável, uma vez que ela não é menina de seguir modas). Mas claro, a Mariana comprou.
Escolheu e foi para a fila pagar, sozinha. Fiquei eu no fundo da loja a vê-la, tão crescida, tão capaz.

E é assim que aqui em casa aderimos a esta moda, que daqui a uns anos nos servirá para mostrar fotografias da Mariana e rimos todos muito.
O laço tem ido todos os dias para a escola, até ao dia de hoje tem regressado inteiro... vamos ver quando teremos o episódio: "o drama do laço perdido".